fbpx

Já pensou em planejar, durante meses, a mamoplastia dos seus sonhos e não gostar do resultado? Afinal, trata-se de um investimento e o ideal é não cometer erros.

Isso pode acontecer se você não estudar sua preferência e seu perfil antes da cirurgia. Essa é uma etapa fundamental para não correr o risco de ter insatisfação com uma escolha desproporcional ao seu gosto pessoal e seu corpo.

Por isso, neste artigo, vamos explicar quais são os principais tipos e como escolher a melhor prótese de silicone para você ficar satisfeita com a sua tão sonhada cirurgia plástica. Acompanhe!

Tipos de próteses

A escolha do tipo da prótese varia conforme a sua preferência e forma da mama. O ideal é que ela agrade a paciente por muito tempo. Por isso, é fundamental conhecer os formatos de próteses para chegar a um resultado mais bonito e duradouro. Então, acompanhe quais existem.

Prótese cônica

Também conhecida como silicone perfil superalto, a prótese cônica tem um formato mais pontudo por ter a maior parte do volume concentrada no centro. Por isso, proporciona um resultado mais discreto. Assim, ela é indicada às pacientes com seios pequenos e caixa torácica estreita.

Prótese redonda

Ou silicone perfil alto, essa prótese tem um formato que preenche o colo, proporcionando uma mama arredondada. Por isso, é indicada para quem já tem um volume notável nas mamas. Além disso, também é utilizada para pessoas mais ousadas e que querem atrair a atenção para os seios.

Prótese anatômica

Popularmente conhecida como formato gota, sua maior concentração está na parte de baixo. Logo, o objetivo da prótese é manter o contorno natural da mama. Esse formato é menos utilizado para estética, porque não deixa a mama inclinada e com o colo evidente. Assim, o maior uso se dá em cirurgias de reconstrução de mama.

Tamanhos de silicone

Para escolher o tamanho mais adequado da prótese de silicone, é preciso considerar a proporção do tórax, o volume natural da mama e a qualidade da pele. Além de tudo, é essencial considerar o estilo de vida dessa paciente, como: se pensa em ter filhos ou se pratica atividades físicas. Listamos os tamanhos mais comuns, a seguir:

Perfil de 150 ml

Mais utilizado em pacientes que buscam sustentabilidade e preenchimento da mama, ao invés de volume.

Perfil de 250 ml

As próteses moderadas, em geral, são indicadas para quem já tem uma mama média e que busca montar os seios devido à flacidez.

Perfil de 300 ml

São as próteses de silicone mais utilizadas, por proporcionarem uma projeção maior e um colo arrojado com um resultado eminente.

Perfil de 400 ml

Não é um tamanho muito utilizado por ter um peso maior e precisar de uma pele com boa elasticidade para sustentação e prevenção de estrias.

Melhor escolha

Não existe a melhor ou pior prótese e, sim, aquela mais indicada para cada um. Por isso, é fundamental analisar as necessidades e o objetivo de cada pessoa. Essa escolha pode variar em relação à sua expectativa e ao que você espera do resultado.

Além disso, nem sempre o que funcionou para a amiga servirá para você, portanto cada caso é individual. Para isso, algumas perguntas podem ajudar. Confira.

  • De 0 a 10, qual a nota que você dá para o tamanho da sua mama?
  • Qual a nota que você desejaria para seus seios?
  • Qual a posição ideal para as suas mamas?

A escolha da melhor prótese de silicone é uma etapa importante para o pré-operatório, tendo em vista que é um investimento para longo prazo. Por isso, muito além da beleza, é necessário estudar bastante sua estrutura e preferência.

Então, converse com seu médico e explique quais dessas opções de prótese de silicone chamaram a sua atenção e por quê. Assim, é mais fácil chegar a um consenso do que é mais apropriado para o seu caso.

Se você gostou do assunto, acompanhe outros conteúdos como esse ao seguir as nossas redes sociais. Temos páginas no FacebookInstagramLinkedInTwitter e um canal no YouTube.

 

Escreva um comentário