fbpx

Os casais têm fugido das cerimônias tradicionais. Assim, organizar seu casamento em igrejas e salões de festa, já não é a melhor das ideias. Isso porque espera-se que o casal esteja buscando formas inovadoras de celebrar a união com seus amigos e parentes. Uma sugestão é o casamento nas montanhas, que aproveita o cenário para criar a ambientação perfeita para esse momento.

É claro que esse tipo de casamento exige ainda mais dedicação durante a organização, pois as condições naturais podem dificultar alguns passos e demandar outros, que não seriam necessários nas celebrações tradicionais.

Se fizer essa opção, não se assuste com os contratempos nem desanime diante das dificuldades. Continue lendo nosso post e confira abaixo 6 dicas imperdíveis para ter a cerimônia dos seus sonhos!

1. Procure o local ideal para organizar seu casamento

Se você decidiu que quer casar nas montanhas, o primeiro passo deve ser encontrar o espaço perfeito para essa celebração. Esse passo é necessário pois toda a organização deve ser feita em função dele. Para isso, pesquise regiões próximas da sua cidade. Lembre-se de levar em consideração não somente as belezas naturais, mas também a facilidade de acesso.

Essa medida, certamente, vai facilitar a vida de seus fornecedores e convidados.

2. Atente para a logística da região

Todo casamento precisa de um planejamento de logística, pois é necessário receber equipamentos, materiais do buffet, bolo, estruturas, entre muitas outras coisas. Por causa disso, é necessário escolher um local acessível para permitir a chegada de seus fornecedores.

Além disso, conheça a estrutura oferecida nos arredores. Em regiões com histórico de celebrações de casamentos, é comum haver fornecedores especializados em atender esses locais específicos.

3. Faça um site

O site para casamentos já se tornou uma tendência para descomplicar a comunicação entre os noivos e os convidados. No caso de uma cerimônia realizada na montanha, ele é muito bem-vindo para servir como fonte de informações sobre o local. Sendo assim, aproveite esse recurso para disponibilizar mapas, avisos sobre a temperatura da região, horários de transporte (caso haja), entre outras coisas.

4. Considere a distância

Quanto mais distante da sua cidade, mais difícil será conseguir levar todos os convidados para a sua festa por questões como o transporte e até mesmo a disponibilidade para viajar. Por causa disso, considere a distância antes de bater o martelo sobre o local.

5. Pesquise as opções de pousadas

Caso você tenha se apaixonado por uma região montanhosa longe de sua cidade, pesquise os hotéis e pousadas disponíveis na região e disponibilize-os em uma lista com seus respectivos preços no site do casamento. Dessa forma, você ajuda seus convidados a encontrarem um local para descansar antes de seguir a viagem de volta.

6. Escolha o cardápio de acordo com o período

As regiões montanhosas costumam ter temperaturas mais extremas. No verão, a altura pode fazer com que a sensação térmica seja mais alta, assim como o inverno pode ser mais frio. Por causa disso, adapte o seu cardápio às condições climáticas.

No verão, opte por pratos mais leves, espumantes e drinks refrescantes. Já durante o inverno você pode apostar nas bebidas quentes, como o vinho tinto, e adicionar sopas e caldos entre as comidas.

Como você pôde ver, existem algumas particularidades que merecem bastante atenção para quem quer casar nas montanhas. Em compensação, o visual rende uma cerimônia inesquecível, com fotos encantadoras.

Agora que você já conheceu nossas dicas para organizar um casamento nas montanhas, que tal conferir nossos conselhos para escolher o cardápio? Boa leitura!

simule-um-consórcio-para-casamento
Já pensou em usar o consórcio para pagar seu casamento?

Escreva um comentário