A recuperação da economia brasileira pode estar em um ritmo mais lento do que o esperado. Porém,  isso não impede você de começar a investir. Sabe por quê? Não é necessário juntar muito dinheiro para fazer aplicações que vão ajudá-lo no futuro.

Com planejamento e inteligência, é possível contar com recursos financeiros e multiplicá-los. Assim, você aumenta as chances de ter as famosas reservas, que podem ser usadas para concretizar sonhos ou solucionar imprevistos .

Neste post, mostraremos boas opções para que você possa investir de maneira inteligente e não ter mais problemas por causa das finanças. Confira!

Pense no Tesouro Direto

É um dos investimentos mais seguros atualmente. O Tesouro Direto consiste em títulos emitidos pelo Governo Federal para serem negociados. A meta do poder público é ter recursos para financiar projetos nas áreas de saúde e educação, além de quitar eventuais dívidas.

A aquisição dos títulos da dívida pública é uma boa alternativa de investimento, porque a rentabilidade sobre o valor investido é superior, por exemplo, à da tradicional caderneta de poupança.

Vale destacar que o Tesouro Direto é ideal para investir com pouco dinheiro, porque é de fácil acesso e apresenta muitas opções de aplicação. Nesse caso, basta você avaliar a que está mais adequada aos seus objetivos financeiros.

Avalie o CDB

Conhecido como Certificados de Depósitos Bancários, eles são uma alternativa interessante para quem deseja começar a investir com pouco dinheiro. O CDB funciona como um empréstimo feito ao banco e tem duas modalidades:

  • Pré-fixado: o investidor já sabe o que receberá na data do vencimento do título;
  • Pós-fixado: o rendimento tem ligação direta com a inflação e a taxa de juros no período entre o início da aplicação e o resgate.

O CDB é um investimento de baixo risco. Caso a instituição financeira vá à falência, o Fundo Garantidor de Crédito (FGC) possibilita a devolução de até R$ 250 mil.

Para aplicar, é necessário ter, no mínimo, R$ 100 e conta corrente em um banco. O Imposto de Renda (IR) abrange somente o rendimento, que será retido quando vencer o título ou houver o resgate.

Conheça a LCA

A Letra de Crédito do Agronegócio é composta por títulos de crédito que têm ligação com o segmento do agronegócio, cuja garantia envolve hipotecas. Na LCA, o investidor aplica o dinheiro em uma instituição financeira que o encaminha para financiamentos do setor agropecuário.

No contrato, é estabelecido que serão recebidos juros sobre o montante investido durante o tempo da aplicação. Isso faz com que a LCA seja um investimento de risco muito baixo e com alta rentabilidade.

Essa modalidade também se destaca pela possibilidade de investir com pouco dinheiro e de adotar o Fundo Garantidor de Crédito.

Aposte no consórcio

Uma das modalidades mais seguras e atrativas é o consórcio. Nele, a meta é adquirir bens móveis e imóveis ou serviços, de maneira planejada e por meio de parcelas. É formado um grupo de pessoas físicas ou jurídicas que pagam mensalmente uma cota para arrecadar o valor necessário para a aquisição do item.

O consórcio não tem juros nem parcelas intermediárias, o que o diferencia do financiamento. Além disso, é possível modificar o valor das parcelas para quitá-las com mais tranquilidade.

Os participantes podem ser contemplados por lance ou sorteio. Assim, eles recebem uma carta de crédito que permite a compra à vista do bem (imóvel, carro, moto, entre outros).

Você já percebeu que não faltam ótimas opções para começar a investir com pouco dinheiro e aumentar a renda e o patrimônio. Por isso, vale a pena entrar em contato com a equipe da Embracon. Temos ótimas dicas para você aplicar o seu dinheiro, adquirir bens e ter acesso a serviços com mais facilidade!

Escreva um comentário