Uma ótima maneira de juntar dinheiro e de se organizar financeiramente. É assim que funciona o consórcio, uma modalidade de compra programada por meio do autofinanciamento.

Contribuindo mensalmente, “cedo ou tarde” (médio a longo prazo), os consorciados serão contemplados e, no momento certo, receberão a sua carta de crédito, seja por lance ou sorteio. 

E é exatamente sobre isto que falaremos neste artigo: a carta de crédito.

Porém, antes de mais nada, é importante esclarecer que, nos consórcios, grupos de pessoas se unem com um propósito em comum: a aquisição de bens (carros, motos, caminhões, casas, apartamentos etc) ou serviços (tratamentos cirúrgicos, viagens, entre outros).

No Brasil, esse tipo de sistema financeiro só pode ser utilizado por quem já tenha completado a maioridade.

Na contramão dos financiamentos, aqui, as taxas de juros são inexistentes. 

De qualquer modo, este artigo foi elaborado para apresentar os principais pontos em relação à carta de crédito. Se você está em busca de um investimento sólido e seguro, não deixe de ler.

O que é a carta de crédito dos consórcios?

De forma clara e objetiva, a carta de crédito é, basicamente, o fruto do consórcio, sendo repassada ao consorciado quando ocorre a sua contemplação.

É mediante a esse documento que você recebe os valores (integralmente) para a aquisição do bem ou serviço que deseja obter. 

Pense na carta de crédito como se fosse um vale-compra. Ao ser sorteado, você a receberá e estará livre para usá-la do jeito que bem entender, desde que respeite a natureza do bem: você não poderá comprar um automóvel se o contrato foi feito para um imóvel, por exemplo.

Se não quiser adquirir nada, no entanto, você poderá resgatá-la em dinheiro, respeitando, logicamente, as regras estabelecidas no acordo.

Para ilustrar, imagine a seguinte situação: em um consórcio de um automóvel no valor de R$ 50 mil, com duração de 5 anos (60 meses), o consorciado é contemplado no décimo mês. 

Os pagamentos das 10 mensalidades referentes ao período foram feitos em dia e, assim sendo, ele está apto para receber a carta de crédito no valor de R$ 50 mil, para a obtenção do seu carro.

A administradora do consórcio, por sua vez, repassará o dinheiro à concessionária ou ao atual dono do automóvel, que fará, então, a transferência do bem.

Apesar de ter sido sorteado, é importante esclarecer que o consorciado deve continuar pagando as mensalidades até completar as 60 parcelas.

Muitas pessoas entram em um consórcio apenas por investimento, pois essa modalidade apresenta alguns benefícios bastante atraentes, como:

  • a possibilidade de escolher um valor de parcela que realmente cabe no bolso;
  • reajustes anuais acompanhados pela tabela IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor);
  • ausência de juros.

Para parte dos consorciados, ela também funciona como uma “poupança forçada”. 

Quando eu recebo a carta de crédito?

Como já foi dito, a carta de crédito será dada quando você for contemplado para a efetuação da sua compra.

Isso pode acontecer a qualquer momento dentro do prazo total das parcelas.

No entanto, a questão a salientar, nesse caso, é que a contemplação ocorre durante as assembleias ordinárias do consórcio, que são reuniões entre administradoras e consorciados de um mesmo grupo.

Elas podem ser mensais, trimestrais ou semestrais, podendo ocorrer de duas formas:

Lance

Semelhante a um leilão, o lance dá ao participante a chance de antecipar a sua contemplação, sem depender apenas da sorte.

Pode ser efetuado pela internet ou presencialmente, porém, deve ser feito com algumas horas de antecedência à assembleia.

Em outras palavras, um lance nada mais é do que uma oferta para a antecipação do pagamento.

Quando o consórcio for de imóveis, é possível utilizar, até mesmo, o saldo do FGTS. 

Sorteio

Independentemente do número de prestações pagas, os sorteados receberão a carta de crédito com o valor total do plano que adquiriram.

Na prática, o sorteio pode ser visto como o definidor da ordem de recebimento do “prêmio”.

O ponto a destacar  e isso é importante saber  é que todos os consorciados serão contemplados até o prazo de término do contrato.

Nos sorteios, as condições de concorrência são iguais — algumas administradoras recorrem à Loteria Federal para a definição dos números sorteados. 

Como usar a carta de crédito?

Após ter sido contemplado, você poderá usá-la para adquirir o seu bem. Simples assim.

Tenha em mente que esse tipo de documento representa um poder aquisitivo. Contudo, a sua finalidade é definida, isto é, você tem a possibilidade de comprar somente aquilo que se enquadra na característica do pertence estabelecido no consórcio. 

Repetindo o que já tínhamos mencionado, se o contrato especifica um imóvel, você poderá optar apenas por esse tipo de propriedade (casa, apartamento ou terreno). Nesse contexto, não há a mínima chance de você poder comprar um carro, moto ou caminhão, por exemplo. 

Cabe salientar, ainda, que há quem a troque pelo valor em dinheiro.

Embora possível, essa não é a melhor ideia. Porque a carta de crédito é isenta de impostos, o que não acontece se o seu montante for transferido para uma conta bancária. 

Ao segurá-la em mãos, seu poder de compra aumenta  isso sem falar na segurança. Só uma pessoa está liberada a utilizá-la: o solicitante, e mais ninguém.

É possível comprar uma carta de crédito contemplada?

Para sermos diretos: sim, é possível comprar uma carta de crédito contemplada — um procedimento realizado mediante a transferência do contrato do consórcio.

 Entretanto, é preciso ter alguns cuidados importantes, que incluem:

  • certificar-se de que a administração do contrato é feita por uma companhia autorizada pelo Banco Central;
  • conferir a ata da contemplação que assegura o consorciado como contemplado;
  • conferir se o pagamento das prestações está em dia;
  • avaliar a declaração da administradora afirmando que as cláusulas vigentes estão de acordo com o contrato apresentado;
  • avaliar se o negócio em si é vantajoso, visto que se assumirá o pagamento das parcelas futuras.

Para concluir, vale repetir que os consórcios são uma ótima opção para quem está em busca de um investimento sólido e seguro, sem taxas de juros.

Esperamos que você tenha gostado deste artigo sobre a carta de crédito dos consórcios. Se quiser saber mais e conhecer todas as suas vantagens, entre em contato conosco. Nossa equipe está pronta para atendê-lo e tirar todas as suas dúvidas!

14 Comentários

  1. auriluciahenrique@gmail.com Responder

    Eu quero fazer uma carta de crédito de 18 000mil como que eu faço

    • Amanda Goncalves Responder

      Oi Lucia! Tudo bem?

      Muito bom saber que tem interesse em conhecer nosso consórcio! <3

      Me passa um número de telefone com DDD? Vou pedir um contato da equipe comercial, para te explicar tudo direitinho.

      Estou te esperando 🙂

  2. Boa noite tenho uma carta de credito a qual cancelei pois fiquei desempregada tenho como estar passando essa carta para outra pessoa

    • Amanda Goncalves Responder

      Oi Fran, como vai?
      Você pode sim transferir a cota para outra pessoa, mas é preciso seguir alguns critérios.
      Então, entre em contato através do 0800 889 0999 / 4003-9999 e vamos te passar todas as orientações.

    • Amanda Goncalves Responder

      Oi, Eslo! Tudo bem? Para receber o crédito em espécie a cota deve estar quitada e contemplada a pelo menos 180 dias.

  3. Bom dia !
    Tenho uma carta e estou querendo comprar um carro de uma pessoa particular mas é necessário o dut do carro e o vendedor não está seguro em me entregar o dut, isso procede ?

    • Amanda Goncalves Responder

      Oi, Luciane! Tudo bem? Sim, é necessário que nos encaminhe o DUT preenchido para que possamos fazer a liberação do crédito. Se quiser, o vendedor pode entrar em contato com a nossa central de atendimento, com você, para que possamos confirmar as informações para ele.

  4. Caso eu fosse contemplado com 200 mil e optasse em deixar em rendimento .Qual porcentagem anual ?

    • Amanda Goncalves Responder

      Oi,José! Tudo bem? Não temos um percentual fixo, o rendimento é diário de acordo com o fundo brilhante do banco Bradesco. Se tiver alguma dúvida, pode entrar em contato com a agência para maiores esclarecimentos. 😉

  5. Boa noite.
    Queria saber se é possivel se sim, como faço pra recuperar o que já investi na carta de crédito?

    • Amanda Goncalves Responder

      Oi, Luzia! Tudo bem?

      A devolução para clientes cancelados consiste no seguinte critério: mesmo cancelada, sua cota continua participando dos sorteios mensais, agora como cancelada, para que assim que sorteada possa receber os valores com as devidas deduções contratuais (taxas administrativas e multa contratual). A devolução de valores poderá ocorrer até a ultima assembleia de seu grupo.

      Você pode ver o andamento de sua cota, basta entrar em contato com 0800 889 0999 ou 4003 9999.

  6. jefferson azevedo Responder

    fui contemplado… mas o carro que eu quero é maior que o valor contemplado.. consigo aumentar o valor da carta!

    • Amanda Goncalves Responder

      Oi, Jefferson! Sim, é possível, mas é necessário que se enquadre nas regras de aceite de seu grupo.
      Entra em contato com nossa central de atendimento, pelo 0800 889 0999 ou 4003 9999. 😉

Escreva um comentário